MICARETA 2018

Baixa Grande, Orgulho Nosso

Seguir Roque da Mota

OBRIGADO!,VOCÊ É O VISITANTE Nº

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Confusão durante peregrinação a Meca mata centenas na Arábia Saudita



Pelo menos 717 pessoas morreram após serem pisoteadas.








3 milhões de muçulmanos participam da peregrinação a Meca.


Centenas de pessoas morreram em confusão durante a peregrinação a Meca nesta quinta-feira (24) (Foto: Reuters)


Centenas de pessoas morreram após uma confusão durante a peregrinação anual a Meca, na Arábia Saudita, nesta quinta-feira (24), informou a Defesa Civil saudita, de acordo com as agências internacionais de notícias.

O balanço mais recente de mortos é de 717 pessoas, segundo o órgão, e ainda deve aumentar.
Pelo menos 805 pessoas ficaram feridas, segundo a Reuters. Não há registro de vítimas brasileiras, afirmou o Itamaraty em nota.

O tumulto ocorreu na Rua 204 da cidade de Mina, localidade onde os peregrinos permanecem hospedados por vários dias durante o clímax do hajj e que está situada a poucos quilômetros de Meca. A tragédia teria sido causada pelo grande número de pessoas aglomeradas no local.
Tumulto Meca (Foto: Arte/G1)
'Falta de disciplina'
Um ministro saudita disse na TV local que o incidente foi causado pela "falta de disciplina" dos peregrinos, segundo a France Presse.

Horas depois do ocorrido, o príncipe herdeiro daArábia Saudita, Mohammed ben Nayef, ordenou uma investigação, afirmou a agência oficial SPA.

A decisão foi tomada durante uma reunião em Mina com os principais responsáveis pelo hajj, presidida pelo príncipe herdeiro.

O rei Salman disse que ordenou uma revisão dos planos da Arábia Saudita para a peregrinação anual

Apedrejamento do diabo
A Rua 204 é uma das duas principais artérias que conduzem do acampamento em Mina para Jamarat, onde os peregrinos realizam o ritual de "apedrejamento do diabo", atirando pedras em três grandes pilares.

A segurança durante o hajj é uma questão politicamente sensível para a dinastia Al Saud, que controla a Arábia Saudita e se apresenta internacionalmente como guardiã do Islã ortodoxo e responsável por seus locais mais sagrados em Meca e Medina.

O governo gastou bilhões de dólares na modernização e expansão da infraestrutura para o hajj e em tecnologia de controle de multidão nos últimos anos. O último grande incidente com mortes havia ocorrido em 2006, quando pelo menos 346 peregrinos morreram em um tumulto.

Confusão
A tragédia desta quinta-feira ocorreu perto de uma das pilastras de apedrejamento, quando várias pessoas que deixavam o local se encontraram com um grande número de peregrinos que desejavam ter acesso.
Ambulâncias sauditas chegam com peregrinos feridos a hospital em Mina, perto de Meca, após tumulto que deixou centenas de mortos nesta quinta-feira (24)1 (Foto: Mohammed Al-Shaikh/AFP)

Ambulâncias sauditas chegam com peregrinos feridos a hospital em Mina, perto de Meca, após tumulto que deixou centenas de mortos nesta quinta-feira (24) (Foto: Mohammed Al-Shaikh/AFP)
Os fiéis têm acesso à área das pilastras por túneis e vias elevadas e, nos últimos anos, as autoridades realizaram obras importantes para facilitar o deslocamento das pessoas e evitar acidentes como o desta quinta-feira.

Os esforços para melhorar a segurança em Jamarat incluíram a ampliação dos três pilares e a construção de uma ponte de três níveis em torno deles para aumentar a área e o número de pontos de entrada e saída para os peregrinos que cumprem o ritual.

Vítimas
Segundo as autoridades, há vítimas de várias nacionalidades.
Até o momento, não foram divulgados os motivos que teriam provocado uma correria em Mina, cidade que realizou nos últimos anos obras de infraestruturas para facilitar o deslocamento dos peregrinos.

O aiatolá iraniano Ali Khamenei afirmou que o governo saudita deve aceitar sua "pesada responsabilidade" no acidente e também tomar as medidas necessárias, baseadas na Justiça e no direito.






















O Irã atribuiu a tragédia a falhas de segurança. "Por motivos desconhecidos fecharam um acesso ao local no qual os fiéis cumprem o ritual de apedrejamento de satã", afirmou o diretor da organização iraniana do hajj, Said Ohadi.

"Foi isto o que provocou este trágico incidente", disse à televisão estatal iraniana. Cerca de 3 milhões de muçulmanos participam da peregrinação a Meca.
Centenas de pessoas morreram em confusão durante a peregrinação a Meca nesta quinta-feira (24) (Foto: Reuters)Centenas de pessoas morreram em confusão durante a peregrinação a Meca nesta quinta-feira (24) (Foto: Reuters)
Milhares de peregrinos seguem durante o último ritual do hajj, em Mina, do lado de fora de Meca, nesta quinta-feira (24), antes de uma confusão que matou centenas de pessoas no local (Foto: Ahmad Masood/Reuters)Milhares de peregrinos seguem durante o último ritual do hajj, em Mina, do lado de fora de Meca, nesta quinta-feira (24), antes de uma confusão que matou centenas de pessoas no local (Foto: Ahmad Masood/Reuters)

Outras tragédias
O último grande acidente durante o hajj aconteceu em 2006, quando pelo menos 346 peregrinos foram mortos enquanto participavam da cerimônia de apedrejamento do diabo.
Nesta quinta-feira, primeiro dia da festa do Adha, os peregrinos iniciaram um ritual de apedrejamento de satanás, no vale de Mina, região oeste da Arábia Saudita.

O ritual consiste no ato de lançar sete pedras no primeiro dia do Eid al-Adha contra uma grande pilastra que representa satanás, e 21 pedras no dia seguinte contra três grandes pilastras (grande, média e pequena).

No dia 11 de setembro, quase duas semanas antes do início da peregrinação à Meca, uma grua desabou na Grande Mesquita e matou 109 pessoas.
Milhares de peregrinos seguem para jogar pedras em um pilar que simboliza Satã durante o último ritual do hajj, em Mina, do lado de fora de Meca, nesta quinta-feira (24), antes de uma confusão que matou centenas de pessoas no local (Foto: Mosa'ab Elshamy/AP)Milhares de peregrinos seguem para jogar pedras em um pilar que simboliza Satã durante o último ritual do hajj, em Mina, do lado de fora de Meca, nesta quinta-feira (24), antes de uma confusão que matou centenas de pessoas no local (Foto: Mosa'ab Elshamy/AP

Greve dos Correios tem adesão de cerca de 80% na Bahia, diz sindicato



Paralisação dos trabalhadores completa 10 dias nesta sexta-feira (25).

Empresa garantiu liminar para manter 65% da categoria nas agências.


Servidores dos Correios protestam em Salvador  (Foto: Foto: Divulgação/ Sincotelba)


A reunião deverá decidir sobre o possível acordo entre a classe e a empresa, após audiência de conciliação marcada para as 15h no Tribunal Superior do Trabalho (TST).

A pauta de reivindicações dos trabalhadores é negociada em âmbito nacional entre os Correiose a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect) e a Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (Findect).
Servidores dos Correios protestam em Salvador  (Foto: Foto: Divulgação/ Sincotelba)Servidores dos Correios protestam em Salvador
(Foto: Divulgação/ Sincotelba)


“A greve está cada dia mais forte, com mais adesão”, informou a vice-presidente do sindicato, Shirlene Souza. Ela disse que o serviço de entregas de correspondências e encomendas dos Correios está prejudicado no estado.

“As entregas não acontecem normalmente, porque a maioria dos funcionários está parada. A entrega de categorias especiais está mantida, porque tem encomendas, como remédios, em que a entrega tem que ser feita. Caso a encomenda não chegue, orientamos que vá buscar no prédio na Pituba”, afirmou.

Entre as reivindicações dos trabalhadores, estão a manutenção das condições do plano de saúde e a contratação de aprovados em concursos. “O último concurso é de 2011. A empresa não chama todos os concursados. Temos unidades com menos da metade de funcionários concursos e hoje trabalhamos em dobro. A Bahia é um dos estados mais prejudicados em relação a concursados”, reclamou a sindicalista. A categoria também pede reajuste salarial com base na inflação.

Em nota, os Correios afirmaram que o TST concedeu liminar na terça-feira (22) determinando que as federações nacionais dos trabalhadores garanta o efetivo de 65% em atividade normal em cada unidade. A pena por descumprimento é multa diária de R$ 65 mil.

Segundo o comunicado, quase todas as 20 mil unidades da empresa por todo o país operam com a maior parte do efetivo presente. A empresa conta que cerca de 90% dos trabalhadores não aderiu à paralisação parcial. Nesta quarta (23), segundo os Correios, a obrigatoriedade de manutenção de 65% do efetivo foi descumprida pelas federações em 230 unidades no país.

Ainda assim, o último levantamento da empresa, realizado nesta quarta-feira (23), mostra que 89,74% do efetivo nacional dos Correios não aderiu à paralisação. O porcentual foi calculado por meio de sistema eletrônico de presença. A empresa afirma ainda que o movimento está concentrado na área de distribuição, o que pode provocar atraso na entrega de cartas e encomendas.

Os Correios orientam que os clientes devem esperar seus objetos em casa e rastrear as encomendas no site dos Correios. Já em caso de atraso na distribuição de uma fatura, a empresa diz que o cliente deve recorrer a formas alternativas para o pagamento, como solicitar a segunda via do boleto pela internet.Informações do G1/BA

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

TelexFREE URGENTE: MP orienta divulgadores no AC a irem à justiça



Divulgadores da Telexfree deverão comprovar vínculo com a empresa para terem de volta os valores investidos no negócio.Resultado de imagem para telexfree

Na última semana, a justiça acreana condenou a Ympactus Comercial, representante da Telexfree no Brasil, a pagar 3 milhões reais de indenização por danos morais coletivos a quem investiu na empresa.
A firma também terá que devolver o dinheiro investido pelos divulgadores. A decisão ainda cabe recurso.
Segundo informações do Ministério Público do Acre, para ter direito à devolução, cada divulgador deve procurar o Poder Judiciário de sua cidade, portando a cópia da sentença judicial e um comprovante de domicílio.
O divulgador sem documentos deve procurar um advogado ou defensor público, para conseguir, na justiça, a comprovação de vínculo com a Telexfree.
A empresa começou a atuar no país em março de 2012, vendendo planos de minutos de telefonia pela internet. A pedido do Ministério Público do Acre, foi proibida de operar em junho de 2013, acusada de pirâmide financeira. A prática econômica é proibida no Brasil.
A estimativa é que um milhão e meio de usuários cadastrados com CPFs válidos faziam parte do negócio. Somente no Acre, foram cerca 40 mil pessoas.
A reportagem não conseguiu contato com representantes da empresa.
As informações são da EBC.

sábado, 19 de setembro de 2015

Unidades de saúde de Baixa Grande vacinam contra HPV garotas de nove a 11 anos



Todos os PSFs (Postos de Saúde da Família) da sede e zona rural de Baixa Grande já iniciaram a segunda etapa da vacinação contra o HPV (Papiloma Vírus Humano) em meninas de nove a 11 anos. 
A primeira fase ocorreu há seis meses e todas as menores devem receber a nova imunização. As unidades de saúde funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e 14h às 17h.

Prefeito e secretário apresentam critérios para seleção das 600 cisternas de polietileno



O auditório do STTR (Sindicato das Trabalhadoras e Trabalhadores Rurais) de Baixa Grande recebeu, na manhã desta quinta-feira (17), reunião promovida pela Secretaria Municipal de Agricultura, com participação do prefeito Pedro Lima Neto e do secretário Reinaldo Brito, para apresentar aos pequenos produtores os critérios de escolha dos 600 beneficiados com as cisternas de polietileno.

Investimento superior a R$ 1 milhão garante pavimentação em distritos e na sede


A Secretaria de Obras e Infraestrutura começou na última segunda-feira (14) obra de pavimentação com paralelepípedos em três distritos e na sede de Baixa Grande.
 A verba do serviço foi autorizada via convênio firmado com o Ministério das Cidades.

Poder público e sociedade civil debatem elaboração e fortalecimento de políticas para mulheres



Quatro eixos foram debatidos na IIª Conferência Municipal de Políticas para Mulheres, realizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, STTR (Sindicato das Trabalhadoras e Trabalhadores Rurais) e Associação de Mulheres de Baixa Grande. 
O evento contou com a palestra de Ana Carolina Cunha, assessora jurídica da Secretaria Estadual de Políticas para Mulheres.

CRAS Volante chama a atenção da importância da participação dos pais no processo de educação




A Secretaria Municipal de Assistência Social realizou nesta terça-feira (15) palestra na Escola Municipal do Povoado de Mandacaru com a psicóloga Johanna Gualberto e a assistente social Milca Nunes. As profissionais falaram sobre a importância da parceria entre pais e escola na educação das crianças.
 O evento faz parte da programação do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) Volante.

Eleição para Conselheiro Tutelar-2015





  No próximo dia 04 de outubro será realizada a eleição para escolhermos os conselheiros tutelares que atuarão na comunidade .Vou aproveitar  para pedir que os futuros ocupantes do cargo não haja pela emoção do momento nem pela aparente evidência ,mas pela razão e pelo fato real, pois ouvimos relatos de várias atitudes equivocadas por parte de alguns. Sabemos que o conselheiro deve ser protetor e defensor da criança, mas também, parceiro da família, dos órgãos, e das instituições que lidam com o público infantil, procurando sempre uma alternativa pacífica.

  Na minha opinião o conselheiro não pode agir baseando-se apenas na hipótese que a criança sempre está certa e os familiares sempre errados ,pois é isso que acontece. Tomando apenas como fundamento, a queixa da criança, pai não pode  ser ameaçado, levado à promotoria e até sentenciado. Antes de agir como delegado ou juiz, o conselheiro deve atuar de maneira que promova a reconciliação pacífica entre as partes envolvidas.

  Em alguns casos a família perde o controle sobre seus filhos, pois a autoridade que cuida e protege não é a família, pelo contrário a família é um obstáculo na mente da criança e adolescente rebelde que quer viver na delinquência, na prostituição, nas drogas, brigando nas ruas e bagunçando na escola. E sempre que alguém tenta chamar à atenção para seus atos, esconde-se atrás da proteção do Conselho Tutelar dizendo: “Se você mim bater  eu te entrego ao Conselho Tutelar” Essa é a frase mágica usada por crianças e adolescentes rebeldes e até envolvidos na criminalidade. Essa frase parece alimentar de coragem, rebeldia ,insubmissão , e confiança na impunidade.

  Todos os dias pais são chamados  a escola, por conta de comportamentos rebeldes  e agressivos de seus filhos mas, tudo isso mostra somente uma coisa, os pais perderam o comando sobre os filhos ,e alguns dizem: ”Não ser mais o que fazer com esse menino!”. Se não agirem são negligentes e irresponsáveis ,mas se punirem são violentos e punidos pelo Conselho, em meio a tudo isso a criança sente-se livre para fazer o que desejar.

Estamos vivendo em tempo de crise das instituições brasileiras, o povo está incrédulo, desconfiado e sem esperança. Não é diferente com o povo baixa-grandense, desejamos aos futuros Conselheiros um trabalho mais humano, solidário e reconciliador.

  Veja onde você deve comparecer para votar,não esqueça do título de eleitor e do documento de identidade(RG).

Data :04 de Outubro

Local: Escola Plínio Tude de Souza(Próxima à Igreja Católica)

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Ensino Médio a Distância



Antigamente, falta de tempo e de estrutura física eram fatores mais do que fortes, responsáveis por impossibilitar pessoas de concluírem os seus estudos. Mas, de uns tempos para cá, estes fatores simplesmente desapareceram: tudo graças a uma nova modalidade de ensino instruída na área educacional: o Ensino a Distância. Dentre os cursos oferecidos nesta modalidade, o que tem atraído mais brasileiros, tanto os mais jovens quanto os mais velhos, é o Ensino Médio a Distância.

Cursos possibilitam conclusão ensino médio

Necessidades do Certificado de Ensino Médio

Possuir o Ensino Médio completo, hoje, é mais do que necessário para a vida profissional daqueles que almejam melhores colocações no mercado de trabalho. Vale frisar que um grande percentual de empresas exigem candidatos qualificados, e que possuam, obrigatoriamente, o Ensino Médio completo.

Cursar o Ensino Médio a Distância é uma forma de ‘’correr atrás do prejuízo’’ e conseguir, definitivamente, o tão sonhado título de formação do Segundo Grau, além de uma melhor colocação no mercado de trabalho. O método de ensino pode variar de acordo com cada instituição: em algumas delas, todo o processo de transmissão das aulas é feito apenas por um sistema online, abastecido com apresentações virtuais, similares aos já conhecidos slides de Power Point.

Reconhecimento MEC do Ensino Médio a Distância

Os certificados de conclusão obtidos através dos sistemas de educação a distância são 100% reconhecidos pelo MEC – Ministério da Educação e Cultura. Vale frisar que, antes de se matricular no curso escolhido, é importante realizar uma consulta prévia, para saber a situação cadastral da instituição perante o MEC.

Outro ponto que detém grande parte das dúvidas dos futuros estudantes é quanto ao reconhecimento do mercado sobre este tipo de curso. Saiba que mesmo as grandes empresas não diferenciam alunos formados em cursos regulares e alunos formados em cursos a distância. Afinal, o que vale é o conhecimento adquirido e a vontade em aprender e trabalhar, não é mesmo?

Ensino Médio a Distância no Telecurso 2000

Há também instituições que trabalham com o auxílio de materiais didáticos contendo áudio e vídeo. Como um exemplo desta vertente temos o sistema ‘’Telecurso 2000’’, conhecido nacionalmente e utilizado por milhares de estudantes.

O Telecurso 2000 conta ainda com uma forma de estudos que facilita a vida dos alunos: os cursos são efetuados em bases comunitárias (ou instituições similares), reunindo assim grupos de alunos. Além de facilitar o aprendizado do Ensino Médio a Distância, um único material pode ser utilizado para a formação de vários estudantes. Mais informações podem ser obtidas através do site do projeto, no endereço www.telecurso2000.org.br
Concluir ensino médio a distância

Instituto Monitor Oferece Ensino Médio a Distância – EJA

Fundado em 1939, o Instituto Monitor foi a primeira instituição a inserir, no Brasil, o método do Ensino a Distância. Desde então, já são mais de 5 milhões de alunos formados, inclusive no curso de Ensino Médio a Distância. Além de 4 sedes em São Paulo, o Instituto Monitor possui ainda 1 sede carioca.

A metodologia aplicada no Instituto Monitor é totalmente simplificada: após efetuar a matrícula no (através do próprio site do Instituto – www.institutomonitor.com.br, podendo parcelar o curso em até 4 vezes sem juros nos cartões de crédito, ou ainda via boleto bancário e transferência eletrônica Itaú), o aluno receberá em casa um conjunto de apostilas referentes ao conteúdo que será estudado no curso.

A ideia é de que o aluno estude em casa, nos dias e horários que puder, montando o seu próprio cronograma. Durante o curso, o aluno terá, à sua disposição, vários professores capacitados, disponíveis para sanar dúvidas e colaborar com eventuais dificuldades. O aluno nunca estuda sozinho! Apesar de ser um curso EAD, o aluno deverá apresentar-se, esporadicamente, às escolas e faculdades parceiras do Instituto Monitor, com o intuito de realizar as provas e exames relacionados ao aproveitamento do curso.

Não é à toa que o Brasil possui cada vez mais alunos formados no Ensino Médio e Técnico: as facilidades para quem deseja concluir os estudos e alimentar o currículo são muito grandes. Prova disso é o Ensino Médio a Distância, que possui milhares de estudantes ativos e satisfeitos com o vantajoso conhecimento conquistado. E você, pretende ficar apagado no mercado de trabalho ou está pronto para decolar na sua carreira? Escolha a sua instituição e matricule-se rapidamente!

OUÇA NOSSA RÁDIO !

MAGAZINE DAMOTTA



                                                 Magazine Damotta,sua compra segura na internet

Clique  na imagem para visita
 a nossa loja e pesquisar o que deseja


                Guitarra Strato Seizi Vision - Roxo MetálicoContrabaixo 4 Cordas Passivo Strinberg CAB 16 - Vinho


         Encordoamento de Bronze 0.09 para Violão - D´Addario EZ 890 - 85/15 Conjunto de 4 Cordas para Contrabaixo - GHS 5L CC

            Combo Amplificador para Contrabaixo com 20W RMS - Onerr Sniper 20  Transmissor sem Fio - Vokal VWR 15 G 05

                Suporte para Guitarra e Contrabaixo - Saty 4020 Piano Digital Casio CDP 120 - Preto

                        Magazine Damotta

BREVE HISTÓRIA DE BAIXA GRANDE

CLIQUE NO TÍTULO OU NA IMAGEM

Micareta de Baixa Grande-2015

Bloco- As Poderosas

O urso na Micareta de Baixa Grande

Baile à Fantasias-Micareta-2015

Bahia Campeão Baiano 2015

Santos Campeão Paulista 2015

PREPARE-SE !

Arquivo do blog

VISITE DAMOTTA NEWS

O prefeito Pedro Lima Neto, na tribuna da Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (19/02).

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...