MICARETA 2018

Baixa Grande, Orgulho Nosso

Seguir Roque da Mota

OBRIGADO!,VOCÊ É O VISITANTE Nº

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Riachão do Jacuípe - Jacuipense dá show, derrota o Feirense de virada e dorme lider do Baiano 2014.







Com um futebol de primeira, o Jacuipense derrotou o Feirense por 3x1, de virada, no Estádio Jóia da Princesa, em Feira de Santana. A partida, válida pela segunda rodada do Campeonato Baiano 2014, foi realizada neste sábado (11), a partir das 17h.

O Leão do Sisal começou vacilando e logo aos quatro minutos foi surpreendido com um gol do Feirense, após jogada do meia Júnior Mendes, que se aproveitou de um vacilo dos jogadores de marcação do meio campo e da zaga e tocou na saída do goleiro Marcio Greick.

O gol, entretanto, não tirou a tranquilidade do time visitante, que passou a dominar as ações da partida, imprimindo um futebol de toques rápidos, usando muito as duas laterais, com Caíque e Bruno, e o meio, com tabelas entre Damata, Tiago Alagoano, Diego Higino e Daniel.

Aos 10 minutos, veio o gol de empate, através do zagueiro Uésles, que subiu com firmeza para cabecear para a rede. O gol surgiu após um lance pela direita, com Caíque, que redundou em escanteio e, na cobrança pelo lado esquerdo, veio a cabeçada fatal do zagueiro.

Absoluto em campo, o Jacuipense imprimia um ritmo frenético, atordoando a zaga adversária. Além de atacar constantemente pelas duas laterais do campo e pelo centro, a equipe jogava com personalidade e variava as jogadas, com uma troca constante de posição entre os jogadores, que se apresentavam para o jogo, faziam tabelas e chutavam para o gol adversário.

Com essa dinâmica de jogo, o gol da virada era questão de tempo. E ele veio aos 35 minutos, depois de uma grande jogada de quase todo o time. Pela esquerda, Bruno visualizou Flávio livre e inverteu o jogo. Este matou no peito, fez uma rápida tabela com Caíque, que avançou pela direita e cruzou rasteiro. Na rebarba do lance, já pelo lado esquerdo, Da Matta avançou para a área, tocou para Diego Higino, que serviu para Daniel tocar rasteiro na saída do goleiro. A jogada foi fruto do futebol rápido e criativo imposto pelos comandados de Emerson Pereira.

Com 2 a 1 no marcador, o Jacuipense continuou pressionando e poderia ter encerrado o primeiro tempo com um placar mais elástico, casa tivesse convertido em gols algumas das oportunidades criadas.

Segundo tempo

O panorama do segundo tempo mudou pouco em relação ao primeiro. Apesar de se atirar mais ao ataque, o Feirense não reunia forças para segurar a impetuosidade do Leão do Sisal, que, mesmo vencendo, buscava o terceiro gol. Com isso, o jogo ficou mais aberto e com lances emocionantes.

E por se atirar mais ao ataque, o Feirense deixava a defesa desguarnecida, mas causava perigo em alguns lances, como um chute de Éder Baiano, aos 13 minutos, obrigando o goleiro Marcio Greick praticar uma grande defesa. Após várias alterações nas equipes feitas pelos treinadores, o jogo continuou em ritmo veloz e aberto.

Apesar do esforço do time da casa, o nível do futebol apresentado pelo Jacuipense foi bem superior, tanto que alguns jogadores começaram a receber uma marcação mais forte, já que irritavam os adversários com o bom domínio de bola. Num desses lances ríspidos, o atacante Éder Baiano foi expulso de campo, mas o árbitro também aplicou vários cartões amarelos.

Nesse contexto, o terceiro gol nasceu de uma jogada de fundo, depois de uma troca de passes entre Daniel – que esteve impecável – e Bruno, outro destaque da equipe ao lado de Caíque e Flávio. Após chegar à linha de fundo, o lateral olhou para a área e cruzou para trás, consciente, nos pés de Tiago Alagoano, que deu um corte seco no beque e tocou para o gol.

Com 3 a 1 no placar, o Feirense praticamente se rendeu ao bom futebol do Jacuipense, que continuou pressionando até o fim, criando oportunidades para ampliar o resultado. Mais de 500 pessoas viram a movimentada partida, com 392 pagantes, sendo 95% de jacuipenses.

Agora o Jacuipense soma seis pontos em dois jogos e ocupa a vice-liderança do campeonato, perdendo para a Catuense no número de gols marcados. No próximo sábado (18), a equipe volta ao estádio de Pituaçu para enfrentar o Botafogo, que ainda não pontuou na competição.

Escalações:

Jacuipense: Márcio Greyk; Caíque, Uésles, Alysson e Bruno; Dedeco (Rogério), Flávio e Da Matta (Marcel); Thiago Alagoano (Meidson), Daniel e Diego Higino. Treinador: Emerson Pereira.

Feirense: Waldison; Thiaguinho, Valdo (Jonatas), Tom (Souza) e Miguel (Raílson); Cleiton, Rodrigo Dovale, Fernando e Júnior Mendes; Éder Baiano e Gleidson. Treinador: George Gutierrez.
Fonte: www.interiordabahia.com.br
Por Evandro Matos (Foto: Mario Amaral)
Reações:

0 comentários:

OUÇA NOSSA RÁDIO !

MAGAZINE DAMOTTA



                                                 Magazine Damotta,sua compra segura na internet

Clique  na imagem para visita
 a nossa loja e pesquisar o que deseja


                Guitarra Strato Seizi Vision - Roxo MetálicoContrabaixo 4 Cordas Passivo Strinberg CAB 16 - Vinho


         Encordoamento de Bronze 0.09 para Violão - D´Addario EZ 890 - 85/15 Conjunto de 4 Cordas para Contrabaixo - GHS 5L CC

            Combo Amplificador para Contrabaixo com 20W RMS - Onerr Sniper 20  Transmissor sem Fio - Vokal VWR 15 G 05

                Suporte para Guitarra e Contrabaixo - Saty 4020 Piano Digital Casio CDP 120 - Preto

                        Magazine Damotta

BREVE HISTÓRIA DE BAIXA GRANDE

CLIQUE NO TÍTULO OU NA IMAGEM

Micareta de Baixa Grande-2015

Bloco- As Poderosas

O urso na Micareta de Baixa Grande

Baile à Fantasias-Micareta-2015

Bahia Campeão Baiano 2015

Santos Campeão Paulista 2015

PREPARE-SE !

Arquivo do blog

VISITE DAMOTTA NEWS

O prefeito Pedro Lima Neto, na tribuna da Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (19/02).

 

Zero Hora

Últimas notícias

Carregando...